Cultura aliada à tecnologia é tema de debate na Casa de Rui Barbosa

Evento gratuito nesta quinta e sexta reunirá pesquisadores, estudantes e professores. Também haverá lançamento de revista digital da FCRB

publicado: 28/11/2017 16h59,
última modificação: 16/01/2019 11h40


 
23.11.2017 – 10:55  

Acesso rápido

 
 
A cultura aliada à tecnologia é o principal tema de evento gratuito da Fundação Casa de Rui Barbosa (FCRB), vinculada ao Ministério da Cultura (MinC), que ocorre nesta quinta (23) e sexta (24) no Rio de Janeiro. No 2º Seminário Tecnologia e Cultura, especialistas irão debater com base em dois eixos temáticos: Humanidades Digitais e Competência em Informação. No evento, também será lançada a primeira edição do periódico digital Memória & Informação, da FCRB.
 
No seminário, serão apresentados e discutidos estudos que promovam a reflexão e o debate entre estudantes, pesquisadores, professores e demais profissionais que atuem ou tenham interesse na relação entre a cultura e a tecnologia. A Casa de Rui Barbosa ainda recebeu trabalhos com foco em conteúdos ligados à Memória e Tecnologia da Informação e Comunicação (TICs). Os artigos recebidos serão apresentados nos dois dias do seminário e, posteriormente, publicados em edição especial do periódico Memória & Informação e no Repositório Rui Barbosa de Informações Culturais (Rubi). 
 
Memória & Informação
 
No periódico digital da Fundação Casa de Rui Barbosa, serão divulgados artigos relacionados às áreas de Biblioteconomia, Arquivologia, Museologia, Preservação de Documentos, Preservação Arquitetônica, Ciência da Informação, Humanidades Digitais e Memória Social. Com periodicidade semestral, trata-se do primeiro periódico a reunir os temas acima. A publicação ainda trará, a cada edição, os trabalhos desenvolvidos pelo Centro de Memória e Informação (CMI) da Fundação, responsável pela organização do periódico e do seminário.
 
O Centro de Memória e Informação, por meio de seus setores especializados (Museu, Arquivos, Bibliotecas e Arquivo-Museu de Literatura Brasileira, Preservação e Arquitetura), é responsável pela guarda, preservação e divulgação dos acervos adquiridos pela Fundação Casa de Rui Barbosa. Desenvolve pesquisas e promove eventos científicos e culturais.
 
Rubi
 
A Fundação Casa de Rui Barbosa dá visibilidade, em meio digital, aos Acervos Memoriais e Institucionais da FCRB por meio do Repositório Rui Barbosa de Informações Culturais (Rubi). O repositório alia-se à tecnologia ao fortalecer o compromisso institucional com o livre acesso da informação técnico-científica.
 
Os Acervos memoriais são compostos por documentos selecionados pelo Arquivo Histórico, Arquivo Museu de Literatura Brasileira, Bibliotecas (Biblioteca Infanto juvenil Maria Mazzetti, Rui Barbosa e São Clemente) e o Museu-Casa, que compõem o Centro de Memória e Informação (CMI) da FCRB. 
 
Já os Acervos Institucionais são formados pela Produção Intelectual da FCRB, disponibilizando diversos tipos de documentos (artigos, capítulos de livros, trabalhos apresentados em eventos, entre outros) produzidos pelos servidores, colaboradores e/ou bolsistas vinculados à FCRB. 
O Rubi foi desenvolvido em DSpace, software livre utilizado por instituições de ensino e pesquisa em todo o mundo, que permite o gerenciamento da produção científica em qualquer tipo de material digital.
 
Serviço
2º Seminário Tecnologia e Cultura
Entrada franca
Fundação Casa de Rui Barbosa (auditório)
Rua São Clemente 134 – Botafogo – Rio de Janeiro
Informações: 21 3289 8661/8662
 
Assessoria de Comunicação
Ministério da Cultura