Audiovisual

Edital #amorpelobrasil tem inscrições abertas até dia 21 de outubro

A oportunidade será para jovens entre 12 e 18 anos. No total, a premiação oferece R$ 2 milhões do FNC

publicado: 13/09/2019 19h56,
última modificação: 18/09/2019 14h54

O roteirista e diretor de filmes, videoclipes e de trabalhos de realidade virtual Filipe Gontijo, de 39 anos, lembra bem das barreiras que teve de superar para conseguir realizar o sonho de atuar no mercado audiovisual. Com 14 anos, seguir a carreira que amava parecia inatingível. Hoje, Gontijo celebra a facilidade que os jovens têm para deixar fluir a criatividade e o talento através do cinema.

“Um jovem com celular mediano já consegue fazer um filme, mesmo uma produção. Assim, quando eu era adolescente, a gente gravava com uma câmera VHS, não tinha como editar. Hoje em dia, conseguimos fazer gravação ao vivo e eu acho que essa moçada mais jovem, que está começando agora, tem que aproveitar a própria linguagem deles, que é o que vai vir de novidade para o setor audiovisual”, afirma.

Com curtas e longas premiados, Gontijo acredita que o cinema brasileiro precisa da vitalidade dos jovens para alcançar ainda mais qualidade. Esta é a mesma visão do Ministério da Cidadania. O edital Amor pelo Brasil, com inscrições abertas até o dia 21 de outubro, vai premiar com até 20 mil reais vídeos de um a dois minutos, produzidos por jovens entre 12 e 18 anos. Tudo isso para revelar, reconhecer e promover os talentos espalhados pelo Brasil, segundo o secretário do Audiovisual, Ricardo Rihan.

“A criatividade dos jovens dos 12 aos 18 anos é sempre surpreendente. Surgem coisas novas, ideias novas e certamente no Brasil existe muito talento jovem na área do audiovisual, esse é o objetivo do edital. O Brasil que estamos construindo é para os jovens. Então, nada melhor do que estimular, para que eles amem o seu próprio País. E que retratem através de pequenos vídeos histórias de amor pelo Brasil. Seja uma ação dele próprio, seja a ação de um amigo, de um familiar, do pai, da mãe, do primo”, disse.

As obras audiovisuais inscritas devem ser gravadas em celular, publicadas em plataformas digitais gratuitas e de livre acesso e devem abordar temas relacionados à promoção da cidadania.

O edital #amorpelobrasil está disponível neste link, onde as inscrições podem ser feitas.

Premiação #amorpelobrasil

No total, a premiação oferece dois milhões de reais do Fundo Nacional de Cultura (FNC) aos contemplados, entre prêmios diretos e capacitações. A seleção, promovida pela Secretaria do Audiovisual, vai funcionar em duas etapas: na primeira, os doze melhores vídeos de cada estado irão receber R$ 3 mil. Na segunda etapa, os vídeos classificados em primeiro lugar, em cada uma das 27 unidades federativas, serão novamente avaliados. Nessa fase, o primeiro lugar vai receber R$ 20 mil; o segundo, R$ 15 mil; o terceiro, R$ 10 mil; o quarto, R$ 8 mil; e o quinto, R$ 6 mil reais. Os premiados que ficarem entre o sexto e o vigésimo sétimo lugares vão receber R$ 5 mil cada.

Assessoria de Comunicação
Ministério da Cidadania

Informações para a imprensa:
(61) 2024-2266 / 2412
(61) 2030-2649