Nota Oficial da Funarte – Prisão do palhaço Tico Bonito (PR)

Fundação repudia com veemência a prisão arbitrária sofrida pelo palhaço Tico Bonito na cidade de Cascavel, no Paraná.

publicado: 18/08/2015 12h53,
última modificação: 23/01/2019 18h08
18.8.2015 – 11:51
 
A Fundação Nacional de Artes (Funarte) repudia com veemência a prisão arbitrária sofrida pelo palhaço Tico Bonito enquanto este se apresentava na rua, na última sexta-feira, na cidade de Cascavel, no Paraná.
 
A prisão foi efetuada sob a alegação de um suposto “desacato à autoridade”. Na verdade (como comprova o vídeo disponível neste link), o palhaço apenas fez críticas públicas à Polícia Militar, no que está dentro de seus direitos, assegurados pela Constituição. Ao agir com violência e arbítrio, configurando um abuso de autoridade, infelizmente a Polícia Militar acabou por confirmar as críticas proferidas pelo palhaço.
 
A Funarte se solidariza com o artista e o cidadão Tico Bonito e espera da Polícia Militar de Cascavel uma nota repudiando a ação de seus policiais.
 
Francisco Bosco
Presidente da Fundação Nacional de Artes (Funarte)