Novo Programa da Agenda Social do Governo Federal

publicado: 26/03/2013 21h50,
última modificação: 30/01/2019 15h39

Solenidade de lançamento será no próximo dia 4, no Teatro Nacional de Brasília, com a participação do presidente Lula da Silva, do ministro Gilberto Gil e de outras autoridades
A garantia do acesso aos bens culturais, a qualificação do ambiente social das cidades e a geração de oportunidades de trabalho, emprego e renda são as diretrizes do Programa Mais Cultura, que será lançado na próxima quinta-feira pelo Ministério da Cultura. A iniciativa – inserida na Agenda Social que o Governo Federal está implementando para a redução das desigualdades no país – reconhece a Cultura como prioridade para o desenvolvimento socioeconômico e como uma necessidade básica da população brasileira.

A solenidade de apresentação do Mais Cultura será realizada no dia 4 de outubro, às 11h, em Brasília, e contará com as presenças do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, do ministro da Cultura, Gilberto Gil, e de titulares de outros ministérios envolvidos na ação (veja o convite).

Ousado e inovador, o Programa assegura, amplia e aprofunda a política pública para a área defendida e praticada pelo Ministério da Cultura, nos últimos cinco anos, em suas três linhas de ação: Cultura e Cidadania, que aborda a cidadania, as identidades e a diversidade; Cidade Cultural, que visa a qualificação do ambiente social e o direito à cidade; e Cultura e Renda, que focaliza a ocupação, a renda e o financiamento da Cultura.

‘A prioridade do Programa Mais Cultura é concentrar as atividades em locais com problemas sociais, em especial nas áreas de baixo Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), e ampliar a oferta de oportunidades às populações que normalmente não têm acesso a bens e serviços culturais’, explica o ministro interino e secretário executivo do MinC, Juca Ferreira. ‘Cultura como fator de promoção social e de resgate da cidadania.’

O Mais Cultura faz parte de um conjunto de programas desenvolvidos de forma integrada por diversos ministérios, que têm procurado implementar uma política voltada para a inclusão social. ‘Uma política social que gere mais saúde, mais educação, mais cultura, mais inclusão, mais dignidade, mais oportunidades, mais direitos’, destaca Juca Ferreira.

Durante a cerimônia – que será realizada na Sala Villa-Lobos, do Teatro Nacional Cláudio Santoro – serão firmados termos de cooperação entre o Ministério da Cultura e outros órgãos governamentais, estatais e instituições da iniciativa privada para viabilizar a implementação das linhas de ação do Programa.

Informações à imprensa: redacao@minc.gov.br, (61) 3316-2200 e 3316-2225.

(Comunicação Social/MinC)